CINEMA | ROCKETMAN

30/01/2020

Quando anunciaram este filme eu fiquei muito curiosa para o ver. Elton John nunca foi um dos meus cantores favoritos mas há uma ou outra música que eu gosto muito. Por isso estava entusiasmada com este filme. E digo-vos foi um dos meus filmes favoritos de 2019.
"Taron Egerton protagoniza uma fantasia musical sobre a vida e a carreira da estrela pop Elton John, desde os anos como jovem prodígio na Real Academia de Música, à duradoura e influente parceria com Bernie Taupin."
Não conhecia de todo a história do Elton John e por isso quando o filme começa por nos contar a história de um menino carente que encontra na música o seu escape eu fiquei deliciada com o filme. Primeiro porque conta a história de um menino homem que criou uma carreira fantástica e excêntrica com base numa infância onde não lhe faltando nada foi sempre um pouco carente. É nessa carência que o Elton se agarra e cria as músicas mais fantásticas. Nesse caminho ele conhece Bernie Taupin um escrito que acaba por começar a escrever canções para o Elton que ele depois harmoniza. Juntos criaram e criam até hoje músicas que nos encantam e que se imortalizaram até aos dias de hoje.

Adorei o filme como um todo. Gostei muito de conhecer a sua infância e tudo aquilo que o levou a tornar-se o homem que é. A influência negativa do pai e por outro lado a influencia positiva da avó que sempre o acompanhou e incentivou no seu sonho da música mesmo quando mais ninguém acreditava nele. Gostei que o filme não nos negasse a parte mais negra e triste da sua vida, com a descoberta das drogas, a sua adição sexual ou as suas alturas mais depressivas. Toda esta parte mais negra da sua vida poderia ter encaminhado Elton John para um fim abrupto, mas fez com que ele aprendesse uma lição e saísse mais forte.  

O filme é muito rico não só na história que conta mas na adaptação fiél de toda a vida do cantor. Taron Egerton, actor que interpreta o Elton John está simplesmente fantástico. O actor não só conseguiu imitar na perfeição o cantor em termos de pessoa, como ainda canta todas as canções no filme, e muito bem, e também dança, dando o corpo e alma a este filme. A caracterização do filme também está fantástica, sendo todo guarda-roupa de babar e bem real quando comparado com os momentos reiais que Elton viveu. O filme demosntra muito bem o lado excêntrico que só ele sabe ter. E por fim dizer que adorei completamente que este não fosse mais um filme biográfico e que fosse sim um musical completo com momentos de dança espontânea onde nos sentimos mesmo dentro de um musical .

É um filme muito emocionante, verti até um lágrima, muito bom em termos musicais e que nos leva mesmo para a juventude do Elton John. É por isso um filme que recomendo. 


Join the conversation!

© Diário da Chris. Design by FCD.