Com tecnologia do Blogger.

CINEMA | 12 Anos Escravo

12 Anos escravo conta a história de Solomon, um violinista, negro, casado e com dois filhos. Livre. Em 1841 ele é enganado por dois homens, que o vendem como escravo.

Esteve escravo 12 anos, em duas casas diferentes, sob o domínio de dois senhores. Onde tinha de trabalhar de sol a sol. Onde falar era quase proibido. Onde o facto de se saber ler e escrever levava à pena de morte. Solomon nunca fez grandes amizades com os negros, talvez por o acharem diferente. Mas, na segunda casa para onde vai conhece Patsey, a negra favorita do senhor da fazenda, aquela que mais trabalhava, aquela que mais lucro dava, aquela que servia o patrão de dia e de noite. Solomon acaba por ser liberto com a ajuda de um trabalhador da quinta, que escreve aos seus familiares a pedir ajuda. Solomon após ter sido escravo tentou ainda lutar contra quem o tinha colocado naquela situação. Mas em vão, escapando todos impunes. Ficando assim o seu livro e a sua palavra como testemunho de tudo aquilo que passou.

Após assistir ao filme percebi o porquê de ter ganho o oscar de Melhor Filme. O filme é realmente marcante. É um filme a que custa assisitir tamanha é a crueldade que retrata. É a assistir a filmes como estes que percebemos a que ponto a nossa nação é capaz de ir e de fazer.

Este filme conta com uma óptima realização, direcção e caracterização. As cenas dos silêncios, dos gritos, dos maltratos são cenas poderas e que só um bom elenco nos poderia transmitir.

Foi uma boa surpresa este filme para mim e por isso um filme que eu recomendo que todos vejam.


Nome: “12 Years a Slave” Género: Biografia, Drama, História Classificação IMDB: 8,2/10

Classificação Diário da Chris: 4/5

2 comentários

  1. Quero tanto ver... mas primeiro o livro :p

    ResponderEliminar
  2. Por acaso agora também fiquei com muita curiosidade para o ler..

    ResponderEliminar