BOOK | Um Crime no Expresso do Oriente


Olá a todos.. Hoje trago-vos a minha opinião para o desafio de um clássico por mês. Este livro pertence ao mês de Junho, já vem um pouco tarde, mas cá está. O mês passado decidi fugir um pouco ao normal, e em vez de um clássico propriamente dito, escolhi um livro que eu considero um clássico. Durante este desafio muitas vezes me questionei sobre o que é considerado um clássico, se apenas um livro muito antigo que fez grande sucesso e por isso hoje em dia é um clássico, ou um livro não tão antigo assim, mas que pelo sucesso que alcançou se tornou um clássico. E foi isso que eu acho que aconteceu com os livros da Agatha Christie.

Este livro conta a história de um crime que ocorreu no comboio Expresso do Oriente. Esta é basicamente a trama do livro. A bordo deste comboio segue também Poirot, um detective que é o escolhido para desvendar este crime.
Não conhecia nenhum livro desta autora, mas tinha bastante curiosidade acerca dela, porque eu adoro livros sobre crimes e sobre investigações. E devo dizer que adorei este livro, eu devorei a história, porque consoante o Poirot ia interrogando e lançando pistas uma pessoa ia tentando desvendar quem era o assassino, mas não conseguia, e isso prendeu-me do início ao fim.

A história é bastante curta. É dividida em três partes: os factos, os depoimentos e a última quando o Poirot se senta e pensa. Quando nós estamos a ler este livro é como se estivessemos num episódio do CSI, primeiro acompanhamos o Poirot na descoberta dos factos, a descoberta do corpo, das pistas, das evidências. Depois acompanhamos todos os depoimentos, e aí é tentarmos perceber quem está a dizer verdade ou a mentir, e por último tempos de acompanhar o raciocínio do Poirot na sua explicação do crime.
 
Não há muito a dizer do livro pois é um livro simples, ocorreu um crime e o Poirot vai desvendá-lo. Mas quando nós chegamos ao fim e lemos a explicação dele para aquele crime, eu pelo menos fiquei de boa aberta. A mente dele para descobrir quem foi o assassino, e todos os seus motivos, mostra-nos que o Poirot foi uma personagem bastante bem construída e que a Agatha Christie é uma escritora maravilhosa e com uma imaginação brutal.
Neste livro o Poirot é-nos apresentado como se nós já o conhecessemos, o que me faz acreditar que este não é o primeiro livro em que ele entra. Mas isso não impede que não se entenda a história.
 
Foi a minha primeira experiência com esta escritora, que eu adorei, e que concerteza vou querer ler toda a sua colecção.
E aqui fica o vídeo onde eu falo também sobre o livro.



Nome: “Um Crime no Expresso do Oriente”  Autor: Agatha Christie ISBN: 9789892310343
Páginas: - Editora: Edições Asa

2 comentários

  1. Ai! Estou-me a babar por essa edição:P Mas tenho de me controlar!
    O primeiro livro em que o Poirot entra é "O Misterioso Caso de Styles" e é também um bom livro. Recomendo. Beijos

    ResponderEliminar
  2. :D Esta edição é mesmo linda..
    Tenho que ver se começo a ler mais livros da Agatha Christie porque eu gostei muito..
    Beijinhos*

    ResponderEliminar