CINEMA | SAFE HAVEN



Bem.. E eu tinha de ver o filme Safe Haven. Li o livro e adorei, e como amante do cinema tinha que conferir se o filme estava tão bom como o livro.

Devo desde já dizer que o filme está um pouco diferente. Um pouco não, muito diferente. Eu sei, eu sei. Sou muito exigente com os filmes, sei que não conseguem por uma história de 400 páginas num filme de uma hora. Mas podiam tentar. Não é que o flmes esteja totalmente diferente, o fio condutor está lá. Mas modificaram um bocadinho como as coisas aconteceram na realidade. O filme também tem um ritmo de acontecimentos muito rápido, o que leva a que as coisas tenham necessáriamente de acontecer mais rápidas.

Quanto ao casting. Devo dizer que o actor escilho para interpretar o Alex (Josh Duhamel), foi bem escolhido, nada a apontar. Já na atriz que foi escolhida para fazer de Katie (Julianne Hough), foi mais ou menos bem escolhida, não gostei muito, isto porque acho que não tem a garnde capacidade de transparecer os sentimentos, principalmente quando conta a história dela, ou quando tem que passar para o espectador que está triste. Mas, no fundo desempenhou bem o seu papel. Quanto ao actor escolhido para fazer o papel de marido da Katie (David Lyons) foi o que melhor interpretou a sua personagem.

Quando à fotografia do filme, para mim foi o melhor de tudo, o que levou a que o filme contasse com grandes planos das paisagens e dos próprios actores. A banda sonora também muito boa.

Acho que os filmes baseados nos livros do Nicholas Sparks, têm vindo a melhorar em termos de imagem, fotografia, o que os torma muito agradaveis de ver, mas acho que em termos de roteiro os primeiros eram melhores.



Para quem nunca o leu o livro, vai compreender bem a história, e acho que é um dos pontos principais das adaptações, e portanto por isso já ganharam.

Se quiserem ler a minha opinião sobre o livro é só clicarem aqui.

Eu gostei muito do filme, e recomendo que o assistam.

Sem comentários